segunda-feira, 3 de setembro de 2007

CONTEÚDOS E INDICADORES PARA O ENSINO MÉDIO-CEEG

CENTRO DE ENSINO EXPERIMENTAL DE GARANHUNS – CEEG
Professora: Maria Perpétua Teles Monteiro

Disciplina: Arte
PROGRAMA – 1º ANO ENSINO MÉDIO

CARGA HORÁRIA: 8O( OITENTA) HORAS MENSAIS
DUAS (02) AULAS SEMANAIS

EMENTA: Conceito, significados, funções e elementos da arte. Arte plástica/visual. História da
Arte. (da Rupestre ao Renascimento) .Ciclos de cultura popular de Pernambuco(Carnaval, São João e Natal)


CONTEÚDOS CONCEITUAIS PARA O ANO LETIVO DE 2006

1- O que é Arte?
1.1- Conceito
1.2- A Arte no dia-a-dia das pessoas
1.3- Linguagens da Arte
1.4- Funções da Arte

2- Elementos constitutivos da linguagem visual/plástica

3- Cultura popular-Ciclo carnavalesco de Pernambuco

4- História da Arte
4.1- A Arte na Pré-História
4.2- A Arte na Pré-História Brasileira e Arte Indígena
4.3- Tribos de Pernambuco
4.4-- A Arte Africana e Afro-brasileira

5- Cultura popular-Ciclo junino de Pernambuco

6- Declaração Universal dos Direitos humanos e o direito á arte

7-As primeiras civilizações da Antiguidade: Mesopotâmia e Egito

8-A Arte Greco-romana

9--Projeto Leão do Norte

10- Os primeiros tempos da Arte Bizantina
10.1- Arte Cristã primitiva
10.2- Arte Bizantina

11- Renascimento

12- Cultura popular-Ciclo Natalino


*CONTEÚDOS ATITUDINAIS/PROCEDIMENTAIS

1-Respeito à vida e à pessoa humana em suas diferenças
2-Compreensão dos conceitos de indivíduo, cidadão e pessoa
3-Direitos humanos como valor universal (direito à arte e à cultura)
4-Solidariedade, justiça, fraternidade
5-Respeito às diferenças


INDICADORES DE DESEMPENHO


1. Compreender Arte como atividade de expressão comunicação e interação humana voltada para a estética, destacando sua presença no dia-a dia das pessoas, seus significados, linguagens e importância na humanização e civilização do ser humano;

2. Conhecer os elementos constitutivos da linguagem plástica/visual, utilizando-os na composição e registros de pensamentos e idéias sobre fatos cotidianos;

3. Apreciar manifestações artísticas de Pernambuco, referentes ao ciclo carnavalesco, que integram o patrimônio cultural do estado edificado pelo nosso povo em diferentes espaços e tempos históricos.

4. Analisar historicamente diferentes manifestações sócio culturais do homem da pré-história, do homem africano e afro-descendente e do homem nativo no Brasil, em suas múltiplas funções e dimensões..

5. Conhecer elementos do ciclo junino de Pernambuco situando-os histórica e geograficamente de forma a desenvolver a apreciação e vivências cultural

6. Conhecer a Declaração Universal dos Direitos Humanos, destacando o direito á arte e à cultura como condição básica para o desenvolvimento humano visando atitudes de solidariedade e busca de justiça, através da construção de uma cultura de respeito às diferenças.


7. Reconhecer aspectos históricos culturais da arte das primeiras civilizações (Mesopotâmia e Egito), destacando a sua contribuição para a humanidade.

8. Vivenciar momentos de compreensão e produção da arte pernambucana partindo das modalidades culturais apresentadas na musica Leão do Norte e do reconhecimento dos valores humanos do estado de Pernambuco nas diferentes linguagens da arte.

9. Analisar historicamente a arte greco-romana destacando a contribuição dos dois povos e a influência de um sobre o outro e sobre a humanidade.ocidental.

10. Compreender a arte cristã primitiva como uma arte simples executada por homens(fiéis) e não por grandes artistas e a arte bizantina como a mistura da arte cristã e greco-romana que se desenvolve pro toda idade média.

11. Reconhecer a arte do Renascimento marcada pelo movimento humanista que colocava o homem como centro do universo, questionando a autoridade da Igreja.

12. Compreender o ciclo natalino em sua historicidade e diferentes influências destacando as principais manifestações culturais do estado de Pernambuco através da apreciação e vivência de atividades(poesia, teatro, canto e danças)

*


METODOLOGIA

As atividades serão desenvolvidas por meio de estudos (pesquisas bibliográficas e de campo), exposições, reflexões, produções e vivência dos conteúdos em questão.Apresentação de conteúdos utilizando as diferentes linguagens.


INSTRUMENTOS/RECURSOS/MULTIMEIOS EDUCACIONAIS


Serão utilizados diferentes recursos: quadro branco,livros, revistas, jornais,diferentes tipos de papeis, lápis, televisão/vídeo, filmes, documentários,data show, retro-projetor/transparências.

AVALIAÇÃO

Dar-se-á considerando a participação dos alunos nas atividades propostas individualmente e em grupos, a produção ,a vivência e participação nos grupos de interesse(talentos),projetos.Ocorrerá em caráter em sistemático e processual, utilizando-se ,também, teste e provas escritas.

PROJETOS

*Viver pernambudo(em quatro ciclos específicos:carnavalesco, junino,leões do norte e natalino) com o objetivo de conhecer, respeitar, apreciar e vivenciar aspectos e manifestações da cultura pernambucana.

*Direitos humanos:aspersão de valores no âmbito escolar( no Ensino de Arte) durante todo processo com o objetivo de educar para os valores universais presentes na Declaração Universal dos Direitos Humanos, ratificada na Constituição Federal de 1988 e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação brasileira 9.394 de 20 de dezembro de 1996.e assumidos nos(PROCENTROS)em específico no Centro de Ensino Experimental de Garanhuns(CEEG).Adota-se-á um tratamento transversal, interdisciplinar e transdisciplinar dos conteúdos relacionados ao valores que serão discutidos em situações de reflexão e leitura de textos complementares.


BIBLIOGRAFIA


BRASIL.Ministério da Educação.Secretária de Educação Média e Tecnologia.Parâmetros Curriculares Nacionais:Ensino Médio:Linguagens códigos e suas tecnologias.Brasília, 1999.
BUORO,Amélia Bueno.O olhar em construção,uma experiência de ensino de arte na escola.São Paulo, Cortez, 1998.
CALABRIA,Carla Paula Brondi.Arte, história e produção.São Paulo.FTD, 1997.
COSTA, Cristina.Questões de arte: o belo, a percepção estética e o fazer artístico-2ª edição.São Paulo. Moderna, 2004.
CUMMING, Robert.Para entender a arte.São Paulo. Àtica, 2003.
FERRAZ, MARIA Heloísa Correa de Toledo.Metodologia do ensino de arte.São Paulo. Cortez, 1993.
FEIST, Hildegard. Pequena viagem pelo mundo da arte.-2ª ed- São Paulo.Moderna, 2003


“A vida bate e estraçalha a alma e a arte nos lembra que temos uma”
Stella Adler




CENTRO DE ENSINO EXPERIMENTAL DE GARANHUNS-CEEG
ARTE- 2º ANO (em construção)

CONTEÚDOS

1. Barroco e Rococó
1.1- Barroco europeu
1.2- Barroco no Brasil

2. Os holandeses no Brasil
2.1- Arquitetura
2.2- Frans Post
2.3- Albert Ecckoult

3. Neoclassicismo
3.1- O Neoclassicismo Europeu
3.2- A missão artística francesa

4. Romantismo/Realismo/Arte Nouveau

5. Cultura Popular(ciclo junino)


6. Impressionismo/Pós-Impressionismo e Expressionismo

7. Arte no século XX – Movimentos de vanguarda
7.1- Cubismo
7.2- Fovismo ou Fauvismo
7.3- Abstracionismo
7.4- Dadaísmo
7.5- Surrealismo
7.6- OP Art
7.7- Pop Arte
7.8- Pintura Metafísica
7.9- Futurismo
7.10- Bauhaus

8.O teatro: origem
8.1- O teatro grego
8.2- O teatro romano
8.3- A comédia Dell’Arte
8.4- O renascimento
8.5- O teatro Elizabetano
8.6- O teatro brasileiro
8.7- O teatro pernambucano




INDICADORES DE DESEMPENHO


1- Destacar a beleza, as características e o contexto histórico do Barroco na Europa e no Brasil e do Rococó europeu apontando suas principais características e representantes.

2- Discorrer sobre a contribuição e o valor artístico das obras que retratavam o Brasil durante o período da invasão holandesa visando construir um olhar crítico sobre o período refletindo o momento atual.

3- Apontar os ideais neoclássicos, sua principal fonte de inspiração, seus principais representantes e obras.

3.1- Identificar o objetivo da missão francesa no Brasil nomeando os principais artistas desse período e os brasileiros que passaram a freqüentar a Academia das Belas Artes e suas obras.(Nicolas-Antoine Taunay, Jean Baptiste Debret, Grangjean de montigny, Johann- Moritz Rugendas,Tomas Ende e Pedro Américo, Vitor Meireles, Aesênio Cintra da Silva)

4- Identificar as características do Romantismo, obras e principais representantes situando-se na representação de sentimentos do mesmo.

5- Posicionar-se textualmente sobre a postura dos realistas a partir da análise das obras de seus principais representantes.

6- Vivenciar atividades de produção, e participação apreciação da cultura pernambucana em seu ciclo junino(Projeto Viver Pernambuco-2ª etapa)




CENTRO DE ENSINO EXPERIMENTAL DE GARANHUNS-CEEG
ARTE- 3º ANO

CONTEÚDOS


1. O Modernismo
1.1- A Semana de Arte Moderna
1.2- Artistas e movimentos após a Semana de Arte Moderna

2. Arte Contemporânea/Novas tendências
2.1- Instalação
2.2- Performance
2.3- Vídeo-Arte
2.4- Grafitagem
2.5- Arte computadorizada
2.6- Arte pobre
2.7- Arte do corpo(body art)
2.8- Arte da terra(land art)
2.9- Arte conceitual
2.10- Fotografia

3. Movimento Armorial

4. Dança
4.1- A história da dança
4.2- Dança do período romântico; principais representantes
4.3- Dança contemporânea, estilos e principais representantes

5. Música
5.1- A música pernambucana
5.2- A música popular brasileira: Bossa Nova, Tropicalismo, Jovem Guarda, Mangue beat.

CENTRO DE ENSINO EXPERIMENTAL DE GARANHUNS – CEEG
Professora: Maria Perpétua Teles Monteiro

Disciplina: Arte
PROGRAMA – 1º ANO ENSINO MÉDIO


CARGA HORÁRIA: 80( OITENTA) HORAS MENSAIS
DUAS (02) AULAS SEMANAIS

EMENTA: Conceito, significados, funções e elementos da arte. Arte plástica/visual. História da
Arte. (da Rupestre ao Renascimento) .Ciclos de cultura popular de Pernambuco(Carnaval, São João e Natal)


CONTEÚDOS CONCEITUAIS PARA O ANO LETIVO DE 2006

1- O que é Arte?
1.1- Conceito
1.2- A Arte no dia-a-dia das pessoas
1.3- Linguagens da Arte
1.4- Funções da Arte

2- Elementos constitutivos da linguagem visual/plástica

3- Cultura popular-Ciclo carnavalesco de Pernambuco

4- História da Arte
4.1- A Arte na Pré-História
4.2- A Arte na Pré-História Brasileira e Arte Indígena
4.3- Tribos de Pernambuco
4.4-- A Arte Africana e Afro-brasileira

5- Cultura popular-Ciclo junino de Pernambuco

6- Declaração Universal dos Direitos humanos e o direito á arte

7-As primeiras civilizações da Antiguidade: Mesopotâmia e Egito

8-A Arte Greco-romana

9--Projeto Leão do Norte

10- Os primeiros tempos da Arte Bizantina
10.1- Arte Cristã primitiva
10.2- Arte Bizantina

11- Renascimento

12- Cultura popular-Ciclo Natalino


*CONTEÚDOS ATITUDINAIS/PROCEDIMENTAIS

1-Respeito à vida e à pessoa humana em suas diferenças
2-Compreensão dos conceitos de indivíduo, cidadão e pessoa
3-Direitos humanos como valor universal (direito à arte e à cultura)
4-Solidariedade, justiça, fraternidade
5-Respeito às diferenças


INDICADORES DE DESEMPENHO


1. Compreender Arte como atividade de expressão comunicação e interação humana voltada para a estética, destacando sua presença no dia-a dia das pessoas, seus significados, linguagens e importância na humanização e civilização do ser humano;

2. Conhecer os elementos constitutivos da linguagem plástica/visual, utilizando-os na composição e registros de pensamentos e idéias sobre fatos cotidianos;

3. Apreciar manifestações artísticas de Pernambuco, referentes ao ciclo carnavalesco, que integram o patrimônio cultural do estado edificado pelo nosso povo em diferentes espaços e tempos históricos.

4. Analisar historicamente diferentes manifestações sócio culturais do homem da pré-história, do homem africano e afro-descendente e do homem nativo no Brasil, em suas múltiplas funções e dimensões..

5. Conhecer elementos do ciclo junino de Pernambuco situando-os histórica e geograficamente de forma a desenvolver a apreciação e vivências cultural

6. Conhecer a Declaração Universal dos Direitos Humanos, destacando o direito á arte e à cultura como condição básica para o desenvolvimento humano visando atitudes de solidariedade e busca de justiça, através da construção de uma cultura de respeito às diferenças.


7. Reconhecer aspectos históricos culturais da arte das primeiras civilizações (Mesopotâmia e Egito), destacando a sua contribuição para a humanidade.

8. Vivenciar momentos de compreensão e produção da arte pernambucana partindo das modalidades culturais apresentadas na musica Leão do Norte e do reconhecimento dos valores humanos do estado de Pernambuco nas diferentes linguagens da arte.

9. Analisar historicamente a arte greco-romana destacando a contribuição dos dois povos e a influência de um sobre o outro e sobre a humanidade.ocidental.

10. Compreender a arte cristã primitiva como uma arte simples executada por homens(fiéis) e não por grandes artistas e a arte bizantina como a mistura da arte cristã e greco-romana que se desenvolve pro toda idade média.

11. Reconhecer a arte do Renascimento marcada pelo movimento humanista que colocava o homem como centro do universo, questionando a autoridade da Igreja.

12. Compreender o ciclo natalino em sua historicidade e diferentes influências destacando as principais manifestações culturais do estado de Pernambuco através da apreciação e vivência de atividades(poesia, teatro, canto e danças)

*


METODOLOGIA

As atividades serão desenvolvidas por meio de estudos (pesquisas bibliográficas e de campo), exposições, reflexões, produções e vivência dos conteúdos em questão.Apresentação de conteúdos utilizando as diferentes linguagens.


INSTRUMENTOS/RECURSOS/MULTIMEIOS EDUCACIONAIS


Serão utilizados diferentes recursos: quadro branco,livros, revistas, jornais,diferentes tipos de papeis, lápis, televisão/vídeo, filmes, documentários,data show, retro-projetor/transparências.

AVALIAÇÃO

Dar-se-á considerando a participação dos alunos nas atividades propostas individualmente e em grupos, a produção ,a vivência e participação nos grupos de interesse(talentos),projetos.Ocorrerá em caráter em sistemático e processual, utilizando-se ,também, teste e provas escritas.

PROJETOS

*Viver pernambudo(em quatro ciclos específicos:carnavalesco, junino,leões do norte e natalino) com o objetivo de conhecer, respeitar, apreciar e vivenciar aspectos e manifestações da cultura pernambucana.

*Direitos humanos:aspersão de valores no âmbito escolar( no Ensino de Arte) durante todo processo com o objetivo de educar para os valores universais presentes na Declaração Universal dos Direitos Humanos, ratificada na Constituição Federal de 1988 e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação brasileira 9.394 de 20 de dezembro de 1996.e assumidos nos(PROCENTROS)em específico no Centro de Ensino Experimental de Garanhuns(CEEG).Adota-se-á um tratamento transversal, interdisciplinar e transdisciplinar dos conteúdos relacionados ao valores que serão discutidos em situações de reflexão e leitura de textos complementares.


BIBLIOGRAFIA


BRASIL.Ministério da Educação.Secretária de Educação Média e Tecnologia.Parâmetros Curriculares Nacionais:Ensino Médio:Linguagens códigos e suas tecnologias.Brasília, 1999.
BUORO,Amélia Bueno.O olhar em construção,uma experiência de ensino de arte na escola.São Paulo, Cortez, 1998.
CALABRIA,Carla Paula Brondi.Arte, história e produção.São Paulo.FTD, 1997.
COSTA, Cristina.Questões de arte: o belo, a percepção estética e o fazer artístico-2ª edição.São Paulo. Moderna, 2004.
CUMMING, Robert.Para entender a arte.São Paulo. Àtica, 2003.
FERRAZ, MARIA Heloísa Correa de Toledo.Metodologia do ensino de arte.São Paulo. Cortez, 1993.
FEIST, Hildegard. Pequena viagem pelo mundo da arte.-2ª ed- São Paulo.Moderna, 2003


“A vida bate e estraçalha a alma e a arte nos lembra que temos uma”
Stella Adler




CENTRO DE ENSINO EXPERIMENTAL DE GARANHUNS-CEEG
ARTE- 2º ANO (em construção)

CONTEÚDOS

1. Barroco e Rococó
1.1- Barroco europeu
1.2- Barroco no Brasil

2. Os holandeses no Brasil
2.1- Arquitetura
2.2- Frans Post
2.3- Albert Ecckoult

3. Neoclassicismo
3.1- O Neoclassicismo Europeu
3.2- A missão artística francesa

4. Romantismo/Realismo/Arte Nouveau

5. Cultura Popular(ciclo junino)


6. Impressionismo/Pós-Impressionismo e Expressionismo

7. Arte no século XX – Movimentos de vanguarda
7.1- Cubismo
7.2- Fovismo ou Fauvismo
7.3- Abstracionismo
7.4- Dadaísmo
7.5- Surrealismo
7.6- OP Art
7.7- Pop Arte
7.8- Pintura Metafísica
7.9- Futurismo
7.10- Bauhaus

8.O teatro: origem
8.1- O teatro grego
8.2- O teatro romano
8.3- A comédia Dell’Arte
8.4- O renascimento
8.5- O teatro Elizabetano
8.6- O teatro brasileiro
8.7- O teatro pernambucano




INDICADORES DE DESEMPENHO


1- Destacar a beleza, as características e o contexto histórico do Barroco na Europa e no Brasil e do Rococó europeu apontando suas principais características e representantes.

2- Discorrer sobre a contribuição e o valor artístico das obras que retratavam o Brasil durante o período da invasão holandesa visando construir um olhar crítico sobre o período refletindo o momento atual.

3- Apontar os ideais neoclássicos, sua principal fonte de inspiração, seus principais representantes e obras.

3.1- Identificar o objetivo da missão francesa no Brasil nomeando os principais artistas desse período e os brasileiros que passaram a freqüentar a Academia das Belas Artes e suas obras.(Nicolas-Antoine Taunay, Jean Baptiste Debret, Grangjean de montigny, Johann- Moritz Rugendas,Tomas Ende e Pedro Américo, Vitor Meireles, Aesênio Cintra da Silva)

4- Identificar as características do Romantismo, obras e principais representantes situando-se na representação de sentimentos do mesmo.

5- Posicionar-se textualmente sobre a postura dos realistas a partir da análise das obras de seus principais representantes.

6- Vivenciar atividades de produção, e participação apreciação da cultura pernambucana em seu ciclo junino(Projeto Viver Pernambuco-2ª etapa)




CENTRO DE ENSINO EXPERIMENTAL DE GARANHUNS-CEEG
ARTE- 3º ANO

CONTEÚDOS


1. O Modernismo
1.1- A Semana de Arte Moderna
1.2- Artistas e movimentos após a Semana de Arte Moderna

2. Arte Contemporânea/Novas tendências
2.1- Instalação
2.2- Performance
2.3- Vídeo-Arte
2.4- Grafitagem
2.5- Arte computadorizada
2.6- Arte pobre
2.7- Arte do corpo(body art)
2.8- Arte da terra(land art)
2.9- Arte conceitual
2.10- Fotografia

3. Movimento Armorial

4. Dança
4.1- A história da dança
4.2- Dança do período romântico; principais representantes
4.3- Dança contemporânea, estilos e principais representantes

5. Música
5.1- A música pernambucana
5.2- A música popular brasileira: Bossa Nova, Tropicalismo, Jovem Guarda, Mangue beat.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário

 
Maria Perpétua Teles Monteiro